1.7.13

Fire burns

Eu me vesti essa noite sem lugar para estar. Pensei em te ligar, mas você não me quer mais. Quando a noite começou, pensei em ir pra cama cedo, mas fiquei escrevendo cartas sem fim, tentando me segurar à pequena parte de você que realmente foi boa para mim. Fui dar uma volta, mas estava frio e eu acabei num bar, num canto da cidade, e já estou na quarta rodada, começando a contar a estranhos as nossas histórias. Todos eles dizem o que eu tento dizer a mim mesma há muito tempo: você seguiu em frente. Eu vou encontrar outra pessoa, mas eu quero sofrer um pouco por agora. Penso que preciso colocar um ponto final de verdade em nós. As cartas que eu escrevo, você não faria questão de ler. Pensei em rezar por você, mas você sempre diz que não precisa. Então, quer saber? Viva sua vida, porque eu farei o mesmo com a minha. Só saiba que eu não me importo com o que você disse, o bom e o ruim, eu gosto de pensar que um dia me amou, mas só amor não foi o suficiente. Eu também disse muitas coisas e a maioria nos levaram à brigas, que nos levaram à paixão ardente como se nunca fossemos nos queimar. Acabamos pegando fogo e virando cinzas.

0 comentários: