22.5.13

One

Estar com você me faz perceber como a vida é curta e frágil. O dia tinha tudo para ser ruim, começou comigo querendo que ele acabasse, e agora estou rezando, do fundo do meu coração, para que essa noite dure para sempre. Como se fosse realmente possível. Peço com tudo o que tenho para que o tempo pare, acredito com toda a minha fé que Deus pode fazer com que os minutos demorem a passar. Minhas bochechas doem de tanto que eu sorrio e rio. Nem mesmo nosso silêncio é estranho, há cumplicidade e compreensão nele. Olho para você e você está olhando para o chão sorrindo e sei que é por estarmos aqui. Desculpe se eu não estou falando muito; nós estamos no meu lugar favorito nessa cidade caótica, sob a luz das estrelas de maio e você está segurando minha mão. Estou gravando este momento em minha mente, porque ele parece perfeito. A melhor decisão que tomei foi abaixar minha guarda para você entrar. Muitas vezes duvidei, mas hoje tenho certeza de que nós não somos os únicos em controle. Como eu fui parar na sua porta? Por quê? São perguntas que já me fiz antes, já me desdobrei para descobrir a resposta, mas hoje eu só agraço por isso. Não quero ou preciso saber, o importante é que estamos aqui agora. Tem algo muito especial em ter alguém que te faz acreditar em Deus. Não do tipo "Deus é bom, você precisa acreditar", digo, alguém que te faz acreditar que deve existir alguém por trás de tudo isso. Porque eu não entendo como nós, humanos, seres imperfeitos e muitas vezes cruéis, podemos amar tão cegamente e encontrar a pessoa certa e ter certeza de que é ela que merece nosso amor e nos fará feliz. O que nos faz querer lutar tanto quando as coisas não dão certo, só para provar para outro alguém que tudo vale a pena? Acho que não estou fazendo sentido, mas tudo bem, porque meu coração está cheio de coisas boas e eu só preciso falar sobre todas elas. E você... só sente-se, me deixe falar e sinta orgulho de si mesmo por me fazer sentir tanto. Antigamente, eu acreditava que ser indiferente era melhor do que se machucar eventualmente. Hoje eu só vivo pelos pequenos momentos de felicidade. Não é sua tristeza que te define, é o quanto você amou. E eu, além de ter amado muito mais do que pensei que fosse capaz, estou colhendo amor. Não é o que nos ensinam sobre a vida, a vida toda?

0 comentários: